Dodol

Enviar fotos

Atenção: Imagens retiradas da internet possuem direitos autorais e estarão sujeitas a remoção caso seja comprovada a devida autoria. Dúvidas? Consulte nossos termos de uso.

Receita indicada pelo livro Cozinha Indo- Portuguesa. Autora: Maria Fernanda Noronha da Costa e Sousa. (Editora Assírio & Alvim, Edição 467, março de 1998)

Ingredientes (4)


Preparo

  • Tira o sumo grosso e o sumo ralo de 1 coco. Mistura o coco no sumo ralo até derreter, acrescenta a farinha incorporando-a bem e vai ao fogo, mexe sempre. Quando começar engrossar acrescente o sumo grosso e continua a mexer até ficar com a consistência de um pudim. Pouco antes de retirar do fogo, adiciona os cajus e dá-se uma fervura. Retire do fogo e coloque num prato. Sirva-se gelado.
Dica: Utilize água de coco, apenas de uma unidade de coco.

Tempo de preparo:
Rendimento: 2 porções

Tags:

Cremes Doces Indiana Caju Coco Cozinha internacional Doceria Água de coco

Comentários (1)

Falta o ingrediente doce na receita, ou seja, a jagra. E o quê é a jagra? A jagra não é nada mais nada menos do que açúcar de palmeira (leia-se coqueiro). Basicamente é um derivado da seiva, conhecida por sura, desta árvore divina, o que adocica e dá a a típica tonalidade castanha ao dodol. Acrescente-se que este doce, tal como a autora refere no seu livro, é presença obrigatória na mesa de Natal de qualquer família goesa. Eu, por ter aprendido com a minha falecida Mãe, aromatizo o dodol com duas ou três sementes de cardamumo. Experimentem, que vão gostar! A todas as famílias cristãs, espalhadas pelos quatro cantos do Mundo, aproveito para desejar um Feliz e Santo Natal.

Avalie:

Comente:

Quanto tempo você levou para preparar esta receita?

:

Você achou: