1

Enviar fotos

Atenção: Imagens retiradas da internet possuem direitos autorais e estarão sujeitas a remoção caso seja comprovada a devida autoria. Dúvidas? Consulte nossos termos de uso.

logomarca cybercook

Lanche para crianças/ crudivoro/ Conceição Trucon

Já Fiz

Ingredientes (1)

Como Fazer

  1. 1.
    Que hora tão feliz!!!
  2. 2.
    As receitas de lanches aqui sugeridas podem ser preparadas em sua casa, clínica, escritório, lanchonete ou cozinha de escolas. O importante é aproveitar a oferta de todos os alimentos que estão na safra, portanto mais baratos, maduros e frescos, em sua cidade ou estado. O bacana é que você pode multiplicar as receitas para quantos baixinhos desejar, colocando em diferentes potes, de acordo com a idade e horário do lanche.
  3. 3.
    E mais, sempre se pode criar em cima destas receitas, variando ingredientes e opções de saborização e decoração.
  4. 4.
    Lembrar que a comida crua precisa ser consumida no mesmo dia do preparo. Jamais guardar sobras.
  5. 5.
    Mousses de frutas
  6. 6.
    De Manga com cenoura: 1 xícara (chá) de manga madura picada, 1 cenoura média picada, suco fresco de 1 limão, 1 colher (sobremesa) de semente de girassol (sem casca) germinado para decorar. Opções: colocar 2 ramos de hortelã e substituir o girassol por semente de gergelim (branco ou preto) germinado.
  7. 7.
    Bater no liquidificador todos os ingredientes, menos as sementes. Coar caso a manga seja fiapenta. Colocar em taças e decorar com as sementes germinadas.
  8. 8.
    De Goiaba com Fruta-do-conde: 1 xícara (chá) de goiaba picada (branca ou vermelha), 2 frutas-do-conde, suco fresco de 1 limão, gomos de fruta-do-conde para decorar.
  9. 9.
    Passar a goiaba e a fruta-do-conde pela panela furada 3 ou bater no liquidificador e coar em peneira fina. Acrescentar o suco do limão e misturar bem. Colocar em taças e decorar com gominhos da fruta-do-conde.
  10. 10.
    De Jaca mole com Banana: 1/2 xícara (chá) de jaca mole sem caroço, 2 bananas nanica (médias), 1 colher (sobremesa) de linhaça hidratada (em 5 colheres sobremesa de água filtrada por 4-8 horas), gotas de suco fresco de limão, 1 pitada de sal marinho e raspas da casca do limão para decorar.
  11. 11.
    Bater tudo no liquidificador. Colocar em taças e decorar com as raspinhas do limão.
  12. 12.
    Manteiguinhas de Abacate
  13. 13.
    Preparadas a partir do abacate, que considero a manteiga mais natural e saudável do nosso mundo, você pode preparar cada dia, ou hora, uma versão diferente.
  14. 14.
    Salgada: 1/2 abacate maduro, ramos de salsinha bem picadinha, 1 pitada de sal marinho (ou idealmente missô), gotas de suco fresco de limão. Opções: dependendo da idade e do gosto da sua criançada você pode usar também cebolinha bem picada, coentro e até umas raspinhas de gengibre ou cubinhos de pimentão colorido. Algumas vezes ponho um tantinho de cenoura ralada para dar crocância. Enfim, esta manteiguinha tem muito espaço para a criatividade.
  15. 15.
    Amassar com um garfo e integrar bem todos os temperos. Servir imediatamente sobre rodelas de cenoura, de abobrinha, barquinhas de alface, biscoito de linhaça ou por último pão integral (idealmente caseiro onde você conhece todos os ingredientes).
  16. 16.
    Docinha: 1/2 abacate, 1 banana nanica, gotas de suco fresco de limão, 2 castanhas do Pará germinada e ralada.
  17. 17.
    Amassar tudo junto até integrar bem os sabores. Opções: bater no liquidificador, neste caso recomendo usar 1 pitada de sal marinho (ou idealmente missô) e acrescentar 1 colher (sobremesa) de fruta seca tipo uva-passa, tâmara ou ameixa preta. Retirar do copo do liquidificador e adicionar a castanha-do-Pará ralada. Servir imediatamente sobre biscoito de linhaça ou por último pão integral (idealmente caseiro onde você conhece todos os ingredientes).
  18. 18.
    Quejinhos em pasta
  19. 19.
    Quando são preparados os leites de sementes (ver links ao final da matéria), fica sobre a panela furada ou coador, uma massinha que usamos para o preparo de queijinhos e pastas. Para tanto, basta acrescentar temperinhos e ervas a gosto, gotas de suco fresco de limão e um fio de azeite para dar a liga. Depois é servir conforme sugestões apresentadas na manteiguinha salgada.
  20. 20.
    Cookie de Linhaça
  21. 21.
    Ideal para todas as idades, prisão de ventre, lanches, merendeiras e reduzir a compulsão alimentar. Quando é preparado o leite de linhaça (ler links abaixo), fica sobre a panela furada uma massinha de fibras da linhaça que usamos para fazer este saboroso cookie.
  22. 22.
    Ingredientes: Cerca de 4 colheres (sopa) da massa de fibras da linhaça, que é bem liguenta, devido à presença de traços da sua mucilagem, 1 banana nanica (caturra) bem amassada, 2 colheres (sopa) de uva-passa preta sem semente, raspas da casca de limão a gosto, gotas de suco fresco de limão a gosto, gotas de baunilha a gosto (opcional), 2 colheres (sopa) de chocolate sem açúcar em pó (opcional), aveia integral em flocos pequenos suficiente para dar a consistência final (para os celíacos use flocos de arroz).
  23. 23.
    Preparo: Junte todos os ingredientes em uma tigela pirex. Vá acrescentando a aveia em flocos até consistência ideal para manusear a formatação dos cookies.
  24. 24.
    Arrume os cookies com a ajuda de 2 colheres de sobremesa. O formato ideal é de quadradinhos de 3x3cm ou bolachas com este diâmetro e 2 cm de altura. Não precisa afastar muito um do outro pois não irão crescer. Dê uma amassadinha final com um garfo para ajudar na desidratação.
  25. 25.
    Asse em forno mínimo (porta entre aberta) ou via desidratação solar. Se ficarem bem desidratados, pode-se colocar em potes de vidro com tampa e guardar por até 5 dias.
  26. 26.
    Canjiquinha Viva
  27. 27.
    Como toda canjica, este é um prato que não se faz de pouco. Então, esta é para toda a família, vizinhança ou festa no arraiá!
  28. 28.
    Ingredientes: 1 jaca mole bem madura, 12 frutas-do-conde (também chamada de pinha), bem maduras, 1 colher (sopa) de cardamomo em pó, canela em pó a gosto (sugestão: 1 colher sobremesa), suco fresco de 2 limões (ideal galego, rosa ou caipira) e 6 pêras dura picada em cubinhos (do tamanho da canjica). Opção: 1 xícara (chá) de coco fresco ralado ou triturado.
  29. 29.
    Preparo: Tirar a polpa da pinha com a panela furada 3. Bater no liquidificador com a jaca e as especiarias. Misturar com a pêra picadinha. Salpicar canela a gosto na hora de servir.
  30. 30.
    Importante: Se desejar esquente em fogo baixo até ficar levemente quente. Usar os dedos para saber se está muito quente. Sempre passar a mão no fundo da panela para saber se está muito quente. Usar uma panela de barro ou pedra. Servir imediatamente. Não guardar para o dia seguinte.
  31. 31.
    Hamburguinho de cenoura
  32. 32.
    Ingredientes: 1 xícara (chá) de cenoura ralada, 2 colheres (sopa) de linhaça hidratada por 4 horas em 10 colheres (sopa) de água (ela quem dará a liga), 1/2 xícara (chá) de nozes germinadas (sem pele), 1/2 xícara (chá) amêndoas germinadas (sem pele), 1/2 xícara (chá) de semente de girassol sem casca germinado, 4 colheres (sopa) de azeite extra-virgem, sal marinho a gosto, 1 colher (sopa) de manjericão (ou salsinha) picado, 1 dente de alho amassado (opcional).
  33. 33.
    Preparo: Triturar tudo junto no processador. Espalhar no papel impermeável e abrir a massa com 1,5 cm espessura. Cortar com um copo de boca estreita (mini-hamburguinhos). Assar no forno mínimo (porta entre aberta) ou desidratador. Servir sozinho ou com pão integral caseiro.
  34. 34.
    Pãozinho de queijo
  35. 35.
    Tags: pãozinho queijo receitas
  36. 36.
    Quando recebi essa receita da professora Jane Susie não acreditei. Mas curiosa que sou, e como fã de carteirinha da Jane, decidi testá-la. E, não deu outra: é curiosamente gostosa!
  37. 37.
    Como sempre, minha sugestão é que a criançada participe em pelo menos alguma etapa do preparo, principalmente na montagem das bolinhas e no controle da secagem ao sol.
  38. 38.
    Vamos lá!
  39. 39.
    Ingredientes: 1 xícara (chá) de grão-de-bico germinado e descascado (*) + 1 xícara (chá) de amendoim germinado e sem pele (*) + sal marinho (se possível use também o missô) + 1 alho picadinho + 1 cebola pequena picada + orégano a gosto. Outras opções para saborizar são alecrim ou salsa ou manjericão. Vá testando e conhecendo os sabores da sua turma.
  40. 40.
    Preparo: coloque tudo no processador até ober uma pasta homogênea. Acerte o sabor. Retire do processador. Dependendo do seu processador, talvez precise passar pelo liquidificador para acertar o ponto de textura da massa. Ela fica macia e fácil de modelar. Faça bolinhas de máximo 2 dedos de diâmetro, arrumando-as num pirex ou placa de vidro untados com um filme de azeite. Dar uma leve amassada com um garfo. Assar no sol. Quando a parte superior estiver sequinha vire para desidratar a parte que ficou para baixo e assim acelerar o processo de secagem. Deixe esfriar e coloque num pote de vidro com tampa. Se estiver bem desidratado irá durar até 3 dias. Sirva no lanche da tarde ou na lancheira da escola.
  41. 41.
    Sugestões:
  42. 42.
    1) Comece bem cedo e num dia ensolarado para que a secagem termine no mesmo dia. Caso não tenha sol ou não dê tempo de terminar a secagem ao sol, asse no forno mínimo com a tampa entre-aberta.
  43. 43.
    2) Essa massa pode ser usada como cobertura de canapés, de pizzinhas, em barquinhas de tomate cereja ou endívias, decoração de saladas e onde sua criatividade alcançar.
  44. 44.
    Sorvete de Banana
  45. 45.
    Essa sobremesa agrada a todos. Leve, tropical, saborosa e digestiva, pode ser também um lanche ou servida em festinhas infantis.
  46. 46.
    O mais importante é que a banana esteja bem madura e docinha.
  47. 47.
    Simples de preparar, a criançada pode ajudar na hora de preparar, decorar e servir! Aliás, essa é uma receita para atrair as crianças para a alimentação saudável: elas participarem, opinarem e servirem...
  48. 48.
    Rendimento: 2 taças!
  49. 49.
    Ingredientes: 2 bananas nanica (caturra) picadas + polpa de 1 coco-verde + gotas e raspas de limão.
  50. 50.
    Preparo: descasque e pique as 2 bananas. Coloque num pote com tampa e leve para congelar. Retire a polpa de 1 coco-verde. Em geral a espessura ideal é a de 0,3 a 0,5 cm. Passe as bananas congeladas junto com os demais ingredientes no processador até virar um sorvete. Volte ao pote com tampa e ao congelador. Passe uma segunda vez pelo processador para que o sorvete fique macio e aerado. Coloque em 2 taças e decore com castanha do Pará germinada e ralada e canela se desejar.
  51. 51.
    Variações de frutas:
  52. 52.
    Você pode substituir a banana por 1 xícara (chá) de abacaxi, manga, mamão ou abacate picado (como o abacate não é uma fruta doce, junte 6-10 ameixas preta e seca).
  53. 53.
    Ou por 1 xícara (chá) de purê de goiaba, fruta-de-conde, graviola, atemóia ou jaca mole.
  54. 54.
    Opção da polpa de coco-verde:
  55. 55.
    No lugar da polpa de coco-verde pode ser usado um creme espesso de linhaça preparado da seguinte forma. Hidrate por 4 horas 3 colheres (sopa) de semente de linhaça em 1/2 xícara de água filtrada. Bata tudo no liquidificador até obter um creme espesso. Coe na panela furada 1.
  56. 56.
    Use esse creme para bater no liquidificador ou na processadora com a fruta previamente congelada. Leve a massa obtida para congelar por uns 30 minutos. Depois de congelado, passe uma segunda vez pelo processador para que o sorvete fique macio e aerado. Coloque em taças e decore com semente germinada e ralada.
  57. 57.
    Como o creme de linhaça não é doce, a sugestão é acrescentar 1 colher (sopa) de fruta seca (passas, tâmara, ameixa, damasco etc.) picada ou triturar junto com a fruta congelada.
  58. 58.
    Obs.: certamente tomar alimentos gelados e o congelamento são atitudes questionáveis na alimentação crua. A sugestão aqui é que o tempo de freezer seja o menor possível
  59. 59.
    Conceição Trucom é química, cientista, palestrante e escritora sobre temas voltados para a alimentação natural, bem-estar e qualidade de vida.
  60. 60.
    Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citada a autora e a fonte.
  61. 61.
    Recomenda-se a leitura na íntegra do livro Alimentação Desintoxicante - editora Alaúde, o que possibilitará a prática desta filosofia de vida com consciência e responsabilidade.
  62. 62.
    Algumas dicas práticas
  63. 63.
    Para uma criança, qualquer criança, vegetariana ou não, é importante que a alimentação cotidiana seja rica e saborosa. Rica significa: variada, com nutrientes de todo tipo. E é importante que a comida das crianças seja suficientemente calórica. Se você usa cereais integrais, leguminosas, legumes, verduras e frutas regularmente, provavelmente será. Enriqueça as saladas dos filhos com bom azeite, castanhas ou nozes picadas, tahine (molho árabe de gergelim, muito rico em gorduras de excelente qualidade e proteínas). Sirva leguminosas variadas – feijões de várias cores, grão de bico, ervilha em grão, lentilha. Prepare os legumes com pouca ou nenhuma água (para lhes preservar o sabor), corte e cozinhe cada dia de um jeito diferente (em tirinhas, em rodelas, estrelinhas, no vapor, refogadinho com cebola ou cebolinha, no forno). Criança gosta de comida colorida e variada.
  64. 64.
    Faça-lhes também sanduíches com tahine, missô (pasta japonesa de soja fermentada, salgada, saborosa e muito nutritiva), tirinhas de cenoura crua, alface picadinho (grudarão no tahine e provavelmente não farão muita lambança). Prepare petiscos fáceis como bolinhos de arroz (arroz integral – pode misturar um pouco de missô ou sal e cebolinha picada, para dar mais gosto – amassado nas mãos e assado no forno), bolinhas de banana com aveia (facílimas de fazer: amasse bananas maduras, misture bastante aveia, forme bolinhas, leve ao forno em tabuleiro levemente untado), biscoitões de aveia (misture aveia e água em partes iguais, um pouco de sal, deixe descansar uns dez a vinte minutos, despeje numa chapa em fogo baixo, espere assar e soltar – fica crocante, uma delícia).
  65. 65.
    Eu fazia muito bolo de farinha de arroz: farinha de arroz integral (toste o arroz na frigideira seca até ficar dourado e cheirando bem, deixe esfriar, bata em pequenas quantidades no liquidificador ou use um moedor); coloque a farinha – misturada com sal ou açúcar mascavo, a gosto – numa fôrma com buraco levemente untada com óleo, ponha água até um dedo acima da farinha, deixe a farinha absorver a água toda; tampe a fôrma e asse em banho-maria, no fogão ou no forno. Estando seco e assado, desenforme e sirva.
  66. 66.
    Tudo isso, com mais uma fruta, serve para o lanche ou a merenda da escola e você pode enfeitar – juntar castanha de caju picada, passas de uva, banana-passa picadinha, pedacinhos de maçã. Use a sua criatividade.
  67. 67.
    E os almoços, jantares e festas em família? Um conselho: almoce, jante, faça uma boa refeição ANTES de sair de casa. Assim, com menos fome, a criança (e você também) não vai ficar tentada a se empanturrar de coisas que a gente preferiria que ela não comesse.
  68. 68.
    Outro conselho: se a situação permitir, contribua com alguns pratos – além de você e seu filho terem o que comer, sempre se consegue mostrar aos outros que, sem carne, preparam-se refeições deliciosas.
  69. 69.
    Beatriz Medina
  70. 70.
    é praticante fazem quase 30 anos do vegetarianismo.
  71. 71.
    http://cantinhovegetariano.blogspot.com - email: beatriz@guiavegano.com
  72. 72.
    Macarronada de legumes e Canapés deliciosos
  73. 73.
    Na edição anterior, cujo tema foi ‘Reduzindo o Açúcar’, as receitas foram todas em torno do sabor doce: sucos, docinhos e sobremesas.
  74. 74.
    Nesta edição, as dicas são de receitas salgadas, iniciando com a macarronada de legumes, além de várias sugestões deliciosas de canapés para servir em lanches ou festinhas.
  75. 75.
    Macarronada de batata (legumes)
  76. 76.
    Ingredientes: 2 batatas médias fatiadas em talharim (opções: chuchu, cenoura ou abobrinha verde), 1 mão cheia de amendoim germinado (*), salsa picada, 2 tomates picados, sal marinho e azeite extra virgem a gosto.
  77. 77.
    Preparo: rale a batata em talharim num aparelho chamado ‘mandolim’ (imagem abaixo) que costuma ser encontrado em lojas 1,99. Coloque a batata de molho por uns minutos. Lave e escorra. Arrume num refratário. Em separado misture o amendoim germinado com os demais ingredientes. Coloque como um molho sobre a batata ralada. Decore com folhinhas de salsa e castanha-do-Pará ralada.
  78. 78.
    Importante ressaltar que a batata inglesa e tomate são alimentos que precisam ser de origem orgânica, pois os de cultura convencional são só agrotóxico. Ninguém merece, menos ainda nossas crianças.
  79. 79.
    Canapés para o lanche
  80. 80.
    Coberturas
  81. 81.
    1) Pasta de Amêndoa
  82. 82.
    Ingredientes: 150 gramas de amêndoa crua, azeite extra virgem, suco fresco de limão e sal marinho a gosto.
  83. 83.
    Preparo: deixe as amêndoas de molho em água filtrada por 8 horas. Tire a pele. Bata todos os ingredientes no liquidificador acrescentando azeite até obter uma consistência cremosa.
  84. 84.
    2) Pasta de girassol
  85. 85.
    Ingredientes: 2 mãos cheias se sementes de girassol crua e descascada, azeite extra virgem, suco fresco de limão e sal marinho a gosto.
  86. 86.
    Preparo: deixe as sementes de girassol de molho em água filtrada por 8 horas. Bata todos os ingredientes no liquidificador acrescentando azeite até obter uma consistência cremosa.
  87. 87.
    3) Creme de tomate
  88. 88.
    Ingredientes: 3 tomates frescos, ½ abacate, ¼ cebola (opcional), sal marinho e azeite extra virgem a gosto, 1 colher (sobremesa) de mel para neutralizar a acidez do tomate.
  89. 89.
    Preparo: bata todos os ingredientes no processador (ou liquidificador), até consistência cremosa.
  90. 90.
    4) Para decorar: tomate seco picado, lâminas de azeitona, folhinhas de salsa, coentro ou manjericão, castanha-do-Pará ralada na hora.
  91. 91.
    Base dos canapés
  92. 92.
    Aqui, no lugar de pão ou bolacha, a base dos canapés são alimentos crus e vivos ou então o pão sueco de linhaça desidratado ao sol. São várias as opções para usar como base dos canapés, e deverão ser eleitas em função do gosto da criançada e sua faixa etária:
  93. 93.
    Rodelas de abobrinha verde: lave e seque uma abobrinha verde pequena. Não precisa descascar. Fatie em rodelas de 2-3 milímetros de espessura.
  94. 94.
    Rodelas de cenoura: lave com uma escovinha 1-2 cenouras médias. Descasque e deixe secar. Fatie em rodelas de 2-3 milímetros de espessura.
  95. 95.
    Tomate cereja: lave e seque 6-12 tomates cereja. Corte ao meio. Retire as sementes para poder recheá-los com as pastas.
  96. 96.
    Acelga: lave 2-3 folhas grandes de acelga. Separe a parte branca e corte em quadradinhos (3 x 3 cm) para usá-los como base dos canapés.
  97. 97.
    Pimentão vermelho, amarelo e verde: lave 1 pimentão de cada cor e seque. Pique em quadradinhos (3 x 3 cm) para usá-los como base dos canapés.
  98. 98.
    Folhas pequenas do centro da alface: use-as como barquinhas/base das pastas.
  99. 99.
    Pão sueco de linhaça
  100. 100.
    Ingredientes: 250 gramas de semente de linhaça, 3 tomates, 2 raminhos de manjericão, 20 uvas passas, 1 colher (café) rasa de sal marinho.
  101. 101.
    Preparo: hidrate a semente de linhaça por 4 horas em água filtrada. Lave e escorra com auxílio de uma peneira. Bata todos os ingredientes no liquidificador até obter massa pastosa. Acerte os temperos, que deve ser bem suave. Faça, com auxílio de uma espátula, uma película de 2-3 mm da massa obtida sobre placas de vidro previamente limpas. Leve para desidratar ao sol. Quando as laterais começam a soltar, é hora de, com ajuda de uma espátula, virar de lado para desidratar mais rápido. Uma vez obtido placas bem sequinhas e quebradiças, pique com as mãos no tamanho desejado, para usar como suporte de canapés ou petiscos. Embale em frasco de vidro com tampa até a hora de usar. Se estiverem bem secas, duram até 7 dias.
  102. 102.
    MONTAGEM
  103. 103.
    Monte os canapés colocando sobre cada uma das bases sugeridas 1 colher chá da pasta de amêndoa, girassol ou tomate e decore com uma das opções sugeridas em (4). Finalize com a castanha-do-Pará ralada, que irá simular o queijo parmesão.
  104. 104.
    (*) Amendoim germinado: lave bem o amendoim cru. Coloque em um vidro limpo e cubra com água filtrada. Tampe a boca do vidro com um tecido de filó e prenda com um elástico. Deixe hidratando por 8 horas. Escorra a água e lave bem o amendoim simplesmente enchendo e emborcando o vidro várias vezes. Finalmente, coloque o vidro emborcado e inclinado (45 graus) em um escorredor, em local sombreado, fresco e arejado, por 16 horas (sem água). Lave e descasque quase todo o amendoim, descartando os que tiverem com o “narizinho” escuro.
  105. 105.
    Na hora de comprar o amendoim procure o da marca YOKI, o único que comercializa o tipo I, garantindo que seja selecionado. Observe também a data de embalagem e validade. Quanto mais fresco, melhor.
  106. 106.
    Atenção: é importante saber que a alimentação viva deve ser preparada para comer no mesmo dia, em apenas uma refeição. Não é recomendado consumi-la mais tarde e, em hipótese alguma, no dia seguinte devido sua perda de vitalidade e oxidação dos nutrientes.
  107. 107.
    Receitas enviadas pela professora de Alimentação Crua e Viva - Jane Susie
  108. 108.
    Confira as Oficinas da Jane Susie sobre Alimentação Crua e Viva
  109. 109.
    Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citada a autora e fonte.
  110. 110.
    Recomenda-se a leitura na íntegra do livro Alimentação Desintoxicante - editora Alaúde, o que possibilitará a prática desta filosofia de vida com consciência e responsabilidade.
  111. 111.
    Docinhos Garotada Feliz
  112. 112.
    Tags: receitas docinhos açúcar granola linhaça
  113. 113.
    Docinho de Granola
  114. 114.
    Muitos pais acreditam que as famosas barrinhas de cereais, fartas em super mercados e cantinas de escolas, são uma opção de lanche saudável.
  115. 115.
    O problema é que elas são produzidas, industrialmente, ou seja com aditivos, aromas e corantes artificiais além de:
  116. 116.
    - Cereais refinados, ou seja alimento somente calórico, pobre de poder nutricional e;
  117. 117.
    - MONTÃO de açúcar, ou seja alimento vazio, promotor de desmineralizações (sangue, ossos e dentes), fermentações com compometimento da flora intestinal, estresse do pâncreas e fígado, dificuldade de concentração, entre outros problemas.
  118. 118.
    Minha sugestão é: não gastem dinheiro para maltratar/adoecer seus filhos. Esta receita, super saudável e natureba, pode ser preparada na forma de barrinhas, ou mais divertido, de docinhos.
  119. 119.
    Prepare as bolinhas, arrume num prato bonito, assim como na figura, desenhando figuras, mandalas, e está feita a festa.
  120. 120.
    Ingredientes: 1 xícara (chá) de aveia em flocos – ½ xícara (chá) de farelo de aveia – ½ xícara 1 banana nanica grande bem amassada (para dar a liga) – 50 gramas de coco ralado desidratado sem açúcar (opcional) – 2 colheres (sopa) de uva passa sem sementes – ½ xícara de proteína texturizada de soja fina – 2 colheres (sopa) de mel (ou melado de cana ou 1 sachê de adoçante natural) – 2 colheres (sopa) de raspas da casca de limão – 1 colher (chá) de essência de baunilha - 4 colheres (sopa) de semente de linhaça pré-hidratada e passada no processador (ver receita abaixo).
  121. 121.
    Para decorar: chocolate em pó (sem açúcar), farelo de aveia ou castanha do Pará ralada.
  122. 122.
    Como pré-hidratar a semente de linhaça: coloque de molho 1 medida de semente de linhaça (*) + 2 medidas de água. Deixe de molho por toda a noite ou por um mínimo de 4 horas. A linhaça pré-hidratada contém mais vitamina C, enzimas e outras substâncias saudáveis, típicas em alimentos germinados. Outra propriedade positiva é que ela assim preparada não irá causar flatulência.
  123. 123.
    Preparo: misture numa tigela todos os ingredientes até obter uma massa sequinha, porém ligada. Enrole bolinhas, passe no chocolate em pó e arrume em forminhas de papel. Na geladeira dura até 3 dias.
  124. 124.
    ________________________________________
  125. 125.
    DOCINHOS DE ANIVERSÁRIO SEM AÇÚCAR
  126. 126.
    Falso Brigadeiro
  127. 127.
    Ingredientes: 1 xícara (chá) de uva passa picada - 1 xícara (chá) de semente de linhaça pré-hidratada - 4 colheres (sopa) de chocolate em pó (isem açúcar) ou cardamomo em pó - 6 gotas de óleo essencial de limão ou 1 colher (sopa) de raspas da casca de limão. Para decorar: chocolate em pó (sem açúcar).
  128. 128.
    Preparo: misture tudo batendo no liquidificador até obter consistência ligada e mais ou menos homogênea, pois a linhaça não tritura 100%. Você escolhe o ponto de trituração. Com auxílio de 2 colheres (chá), vá jogando as porções sobre o achocolatado. Enrole na forma de bolinhas e arrume em forminhas de papel. Na geladeira dura até 3 dias.
  129. 129.
    Olho da Sogra
  130. 130.
    Ingredientes: 1 xícara (chá) de ameixa seca picada - 1 xícara (chá) de semente de linhaça pré-hidratada - 4 colheres (sopa) de coco ralado desidratado. Para decorar: ameixa seca aberta para montar os docinhos e coco ralado para passar o docinho antes de colocar dentro da ameixa seca.
  131. 131.
    Preparo: misture tudo batendo no liquidificador até obter consistência ligada e mais ou menos homogênea, pois a linhaça não tritura 100%. Você escolhe o ponto de trituração. Com auxílio de 2 colheres (chá), vá jogando as porções sobre o coco ralado. Enrole na forma de bolinhas e modele cada bolinha dentro de 1 amexa seca aberta. Na geladeira dura até 3 dias.
  132. 132.
    Beijinho de Damasco
  133. 133.
    Ingredientes: 1 xícara (chá) de damasco picado - 1 xícara (chá) de de semente de gergelim branco cru - 6 gotas de óleo essencial de limão ou 1 colher (sopa) de raspas da casca de limão - 1 sachê de adoçante natural. Para decorar: semente de gergelim branco cru e estrela de cravo.
  134. 134.
    Preparo: passe cada receita pelo processador até mistura homogênea. Às vezes não processo muito e deixo um pouco de pedaços da fruta seca. Passe para uma tigela e com auxílio de 2 colheres (chá), vá colocando as porções sobre a cobertura desejada. Faça as bolinhas e arrume nas forminhas de papel. Se desejar, o docinho pode ser colocado dentro de um damasco seco (como no olho de sogra) ou de uma uva fresca. Também pode-se decorar as bolinhas com uma estrela de cravo da índia, uma uva passa ou um amendoim. Enfim, conte com sua criatividade e amor pelo alimento que dá prazer junto com saúde!
  135. 135.
    Sucos adaptadas do livro Lugar de Médico é na cozinha
  136. 136.
    MAÇÃ COM HORTELÃ
  137. 137.
    Ingredientes: 1 cenoura, 1/2 maço de folhas de hortelã, 4 maçãs e 1 limão.
  138. 138.
    Preparo: picar as maçãs (sem descascar) e bater no liquidificador com as folhas de hortelã e o limão usando o socador de cenoura. Coar e servir imediatamente.
  139. 139.
    TANGERINA COLADA
  140. 140.
    Ingredientes: água e polpa de 1 coco, 6 tangerinas tipo morgote e 1 colher chá de semente de erva-doce deixada de molho por 30 minutos em água de coco.
  141. 141.
    Preparo: espremer o sumo das tangerinas. Bater todos os ingredientes no liquidificador. Servir imediatamente.
  142. 142.
    UVA COM GIRASSOL
  143. 143.
    Ingredientes: 1 kg de uva roxa e 100 g de semente descascada de girassol hidratado por 8 horas em água filtrada ou água de coco.
  144. 144.
    Preparo: prensar as uvas em coador de tela grossa (panela furada 3*), retirar as sementes em excesso e bater no liquidificador com o girassol. Servir sem coar. Outra forma de preparo é bater as uvas no liquidiflcador usando a função pulsar. Coar em peneira e bater no liquidiflcador com o girassol.
  145. 145.
    LIMONADA DE CAQUI
  146. 146.
    Ingredientes: água e polpa de 1 coco, 6 caquis, suco de 1 limão.
  147. 147.
    Preparo: bater todos os ingredientes no liquidiflcador. Coar em tela grossa (panela furada 3*) e servir imediatamente.
  148. 148.
    MANGAJÁ
  149. 149.
    Ingredientes: água e polpa de 1 coco, 4 mangas e 1 maracujá.
  150. 150.
    Preparo: picar as mangas e bater no liquidiflcador com a água e a polpa de coco e metade da polpa do maracujá. Adicionar a outra metade da polpa do maracujá, sem bater. Misturar e servir imediatamente.
  151. 151.
    ÁGUA DO CONDE
  152. 152.
    Ingredientes: água e polpa de 1 coco, 1 fruta-do-conde, 1 limão e baunilha em fava.
  153. 153.
    Preparo: passar a fruta-do-conde inteira em coador de tela grossa (panela furada 3*). Bater o creme obtido no liquidificador com os outros ingredientes e servir imediatamente.
Fonte: http://www.docelimao.com.br/site/especial-kids/alimentacao/689-e-hora-do-lanche.html

Comentários (0)

Sanduiches Lanches Acelga Receitas salgadas

Lanche para crianças/ crudivoro/ Conceição Trucon