Panetone de Goiabada

Enviar fotos

Atenção: Imagens retiradas da internet possuem direitos autorais e estarão sujeitas a remoção caso seja comprovada a devida autoria. Dúvidas? Consulte nossos termos de uso.

Ingredientes (1)

Preparo

  1. Panetone de Goiabada Panetone da Crise Temos recebido, através de e-mails e do Fórum, uma incrível quantidade de consultas sobre como fazer frutas cristalizadas, um processo muito trabalhoso e demorado que não costuma produzir resultados significativos em sua forma caseira. Não foi difícil encontrar a razão dos pedidos: as frutas de Natal estão caríssimas. Melhor que fazer as frutas cristalizadas, é substituí-las, pensamos. Logo estávamos a imaginar que outra coisa ficaria boa para rechear os panetones. Teria que ser um ingrediente barato e cujo sabor combinasse bem com a massa. A goiabada nos pareceu uma solução. Testamos, então a receita. Da primeira vez, colocamos a goiabada na mesma quantidade de frutas. Não ficou bom, pois a goiabada é mais doce que as frutas cristalizadas. Refizemos a receita, com metade dessa quantidade e obtivemos um resultado acima do esperado. Melhor ainda: ficou muito barato. Com 6 reais, contando o preço das formas, fizemos 4 panetones de meio quilo, bem pesados. A massa fica muito bonita, com aqueles pedacinhos vermelhos, o panetone cresce bem, enfim, nada deixa a desejar. É tão bom quanto o original? Bem, a receita tradicional vem de séculos de experimentações. Esta, ainda poderá sofrer modificações para ficar melhor. Prove e diga-nos o que achou. Panetone de Goiabada Ingredientes: Esponja - 100 g de fermento biológico fresco - 1 xícara de chá de açúcar - 2 ½ xícaras de chá de leite morno - 2 xícaras de chá de farinha de trigo Massa: - 1 quilo de farinha de trigo especial - 1 xícara de chá de açúcar - 6 ovos - 150 g de margarina - casca ralada de uma laranja - casca ralada de 1 limão - 1 xícara de café de conhaque - 2 colheres de sopa de essência de panetone - 1/2 quilo de goiabada picada em pedaços miúdos Modo de Preparar a Esponja: Coloque o fermento em uma vasilha grande, que caiba umas 4 vezes os ingredientes que serão utilizados. Despeje sobre ele o açúcar. Com uma colher, ajude o açúcar a desmanchar o fermento. Quando não houver mais pedacinhos e o fermento tenha se transformado em líquido, junte o leite morno e a farinha. Mexa bem até que se torne homogêneo. Cubra com um pano limpo e deixe crescer, até que dobre de volume. Enquanto isso, pique a goiabada. Parece simples, mas não é. Costuma grudar na faca ou uns nos outros, o que dificulta muito o processo. Aí, então, surge outra Cyberdica: Coloque um prato com farinha a seu lado. Corte fatias longitudinais da goiabada. Passe cada fatia na farinha de trigo. Torne-as à tábua. Recorte tiras de menos de um centímetro. Passe-as na farinha. Torne a corta-las, desta vez, em cubinhos de mais ou menos, um centímetro de lado. Já estarão soltinhas, mas torne a passa-las na farinha, deixando bem enfarinhadas. Modo de preparar a massa: Numa bacia ou na batedeira, junte a esponja de fermento, os ovos, a margarina, cascas de limão e laranja, o conhaque e a essência de panetone. Junte meio quilo de farinha e mexa para que fique tudo ligado. Despeje essa massa sobre uma superfície de bom tamanho e firme e comece a trabalha-la no método do estica e puxa, isto é: puxe a massa com os dedos abertos, em sua direção, rasgando-a e empurre-a de volta com o pulso. Enquanto isso, vá colocando mais farinha, aos poucos, sem parar de trabalhar a massa. Verá que, mesmo colocando a farinha, a massa continua mole e grudenta. É assim, mesmo. Junte toda a massa espalhada (faz uma sujeira!...) com o auxílio de uma espátula e trabalhe mais um pouco, enfarinhando a mesa (cuidado, use pouca farinha, senão obterá um pão mais seco). Isso faz com que se torne mais firme, mas, atenção: a massa do panetone é uma massa mole, não é igual à do pão. Divida a massa em quatro partes. Com as mãos, abra como um rocambole grosseiro. Pegue ¼ do recheio, espalhe sobre a massa aberta, feche e movimente-a girando-a com as mãos, enrolando-a para que o recheio penetre na massa. Coloque em um forma de papel ou outra e deixe crescer até que dobre de volume. Faça piques em forma de cruz com uma gilete ou tesoura, pincele gemas batidas na superfície. Leve ao forno pré-aquecido a 200°, até que esteja assado por dentro (pode verificar isso usando um palito de churrasco). Isso pode demorar de 45 minutos a 1 hora e pouco, dependendo do seu forno. Fica lindo, irresistivelmente dourado. Bommmmmmmmm... Outras receitas de Panetone: Panetone da Dani Panetone da Katia Panetone da Mariana Panetone Diet Panetone Recheado Panetone salgado Panetone Australiano da Maria Alice.

Vídeo recomendado

Comentários (0)

Avalie:

Comente:

Quanto tempo você levou para preparar esta receita?

:

Você achou: